Partilhe esta notícia!

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to Twitter

No passado dia 5 de maio, todas as turmas do 8.º ano da EBMEA participaram numa visita de estudo. Esta visita fazia parte do Plano Anual de Atividades de Português, Geografia e Ciências Naturais. Aproveitando esta oportunidade, articularam-se conteúdos das disciplinas envolvidas.

ebmea-teatro-parque-litoral-norte-8-ano-2022

ebmea-teatro-parque-litoral-norte-8-ano-2022

Na parte da manhã, os alunos assistiram à representação da peça “Aquilo que os olhos veem ou o Adamastor”, que não sendo uma obra fácil de perceber aquando da leitura, os alunos puderam rever o conteúdo da mesma no local para o qual ela foi escrita, o palco de um teatro. A obra comporta algumas passagens menos atrativas para os alunos, mas os atores souberam captar a sua atenção através de alguns momentos de interação com o público. O momento alto aconteceu quando um aluno do 8.º B foi chamado ao palco e colaborou na cena com entusiasmo. No final, os alunos referiram que conseguiram captar melhor o sentido da obra, ajudados por todos os elementos que compõem o espetáculo teatral (o palco, as luzes, o cenário, a plateia, a movimentação das personagens em cena).

Um texto dramático é concebido para ser representado, por isso, nada melhor do que vê-lo no sítio certo – no palco. Por muito boa que seja a leitura nada se compara a uma ida ao teatro.

O almoço foi no Mar Shopping e os alunos adoraram poder andar livremente, mostrando-se autónomos e responsáveis.

ebmea-teatro-parque-litoral-norte-8-ano-2022

ebmea-teatro-parque-litoral-norte-8-ano-2022

Na parte da tarde, tiveram uma visita guiada pelo Parque Natural do Litoral Norte com o objetivo de identificar o estuário do rio Cávado como um recurso natural de notável importância e observar a sua riqueza paisagística associada a uma diversidade de fauna e flora, local de reprodução e "viveiro" de muitas espécies, o que faz com que os estuários alberguem alguns dos habitats mais significativos em Portugal. Como a peça visualizada no teatro falava da expansão marítima e das riquezas trazidas das terras descobertas, os alunos tentaram identificar espécies exóticas invasoras exemplificativas dessa época, nomeadamente, o chorão-da-praias e as acácias (nativas da África do Sul).

Os alunos possuíam um roteiro que iam preenchendo à medida que os guias iam dando informações.

No que diz respeito ao comportamento/ atitudes os alunos comportaram-se conforme as regras estabelecidas pelas professoras organizadoras. As diretrizes comunicadas aos alunos na véspera desta visita ajudaram a perceber que um bom comportamento numa visita de estudo como esta, faz toda a diferença.

As professoras organizadoras

Categoria: Atividades Escolares